sexta-feira, 17 de junho de 2016

Como se motivar para emagrecer?


No entanto, há um fator que impede muita gente de conquistar o objetivo traçado: a autossabotagem. Sabe quando você está indo bem no regime, perdeu alguns quilos e está se sentindo ótima e, de repente, relaxa completamente e volta a comer exageradamente, como fazia antes? Ou então quando você sabe que precisa se exercitar ao final do dia, mas, quando vai chegando a hora de ir à academia, você começa a inventar desculpas para si? Esses são exemplos de como você sabota seu próprio projeto.

Há meios de combater isso, e um deles é fortalecendo a motivação. Quanto mais fácil e prazeroso for o processo de perda de peso para você, menos chance você terá de detoná-lo. Anote as dicas abaixo para se manter firme no objetivo de ter uma vida mais saudável:

Anote tudo o que come.
Se seu problema são as escapadas da dieta, manter um diário alimentar pode te ajudar a manter o foco. Você irá pensar duas vezes antes de acabar com a barra de chocolate ou de repetir o prato do almoço e, assim, comerá somente para saciar a fome, e não por gula.

Encontre uma atividade prazerosa.
Você pode pensar que nunca sentirá prazer realizando qualquer exercício físico, mas acredite: é só uma questão de encontrar a modalidade certa para você. Experimente aulas de aeróbico, lutas, danças, esportes e até mesmo vídeo games com sensor de movimento.

Arrume companhia para malhar.
Procure fazer amizades na academia, leve seu companheiro para correr no parque ou monte um grupo de amigas para malhar depois do trabalho. Com companhia, tudo fica mais gostoso e, assim, uma pessoa motiva a outra.

Entre para um grupo de apoio, como o Vigilantes do Peso.
Pessoas que se unem por um objetivo em comum têm muito mais força. Divida suas dificuldades e vitórias com outras pessoas que estão passando por uma situação parecida. Além disso, você assumirá o compromisso de se monitorar periodicamente, o que te impedirá de desistir.

Não faça isso pelos outros.
Não queira emagrecer para ser mais aceita. Reflita sobre o seu objetivo: você precisa fazer isso pela sua saúde ou está cedendo às pressões externas (sem real necessidade)? Isso faz toda a diferença para a sua motivação porque, enquanto o primeiro é uma atitude de amor próprio, o segundo é uma autoagressão. Trate-se com respeito.

Pense em como você se sentirá depois do exercício.
Sabe aquele momento em que vai chegando a hora de ir para a academia e você começa a sofrer, buscando desculpas para matar o treino e se enganar? Ao invés disso, procure focar em como você se sentirá depois de malhar: mais disposta, mais saudável, com a autoestima melhorada e a sensação de dever cumprido. Vale bem mais a pena do que ficar se martirizando por não ter ido de novo à academia.

Divida sua meta em etapas.
Após fazer uma avaliação física, você concluiu que precisa emagrecer 15 kg para atingir um peso saudável. No entanto, se você mantiver esse número, que está longe, na cabeça, você sentirá que está demorando para atingi-lo, ou que ele está muito fora da realidade, e poderá desanimar. Estabeleça objetivos reais a curto prazo (por mês, por exemplo).

Não encare a dieta como “8 ou 80”.
Na verdade, não encare como dieta, e sim reeducação alimentar. Se você segue um programa muito restrito e em um momento de tensão ataca um chocolate, pode sentir que todo o esforço daquele dia foi por água abaixo e enfia o pé na jaca de vez. Não é um chocolate que vai te engordar, portanto não se prive desses pequenos prazeres que são tão importantes para você, apenas aprenda a consumi-los com moderação e consciência.

Fonte: http://www.bolsademulher.com/corpo/como-se-motivar-a-emagrecer-8-ajudas-poderosas

2 comentários:

  1. Esse último item pra mim é o segredo para o sucesso, não só eliminar mas para manter, estou focada em fazer R.A onde tudo posso, mas pra isso tenho aprender quando e o quanto eu posso, cada dia é um aprendizado.

    ResponderExcluir
  2. Nossa ótimas dicas e tudo verdade.

    ResponderExcluir